Com os seus 8,5 milhões km², o Brasil ocupa quase a metade da América Latina e, com isso, tem diversas zonas climáticas como, por exemplo, o trópico úmido no Norte, o semiárido no Nordeste e as áreas temperadas no Sul.

Além disso, o país tem mais de 3,5 milhões km² de costa marinha, incluindo ecossistemas como recifes de corais, dunas, manguezais, lagoas, estuários e pântanos.

Com tantos números positivos, não tinha como o Brasil não sair na frente do ranking da biodiversidade, concorda?

Por que o Brasil se torna único quando o assunto é biodiversidade

Você sabia que o Brasil é o país que tem a maior biodiversidade de flora e fauna do planeta? Não? Mas é a verdade! São mais de 103.870 espécies animais e 43.020 espécies vegetais conhecidas por especialistas no país.

Devido a sua grande extensão territorial e a diversidade de clima, no Brasil encontramos uma grande variedade de animais, plantas, micro-organismos e ecossistemas.

É no Brasil também que está o maior número de espécies já conhecidas de mamíferos, peixes de água doce e anfíbios. Quando o assunto são as variedades de aves, o país fica em segundo lugar. Já em terceiro ficam os répteis.

Veja os números da biodiversidade das espécies no Brasil:

  • No Brasil existem mais de 3000 espécies de peixes de água doce.
  • 520 mamíferos conhecidos no Brasil – 75 deles espécies de primatas.
  • Borboletas temos mais de 3150 tipos diferentes.
  • Espécies de anfíbios são mais de 500.
  • São mais de 70 mil espécies conhecidas diferentes de insetos.
  • Já as aves são mais de 1622 espécies conhecidas, entre elas, 90 tipos de papagaios.
  • Répteis no Brasil são mais de 468 de tipos diferentes.

Mas não é só no quesito animais que o Brasil ganha destaque na biodiversidade. Na categoria vegetais, ele também está em primeiro com mais de 50 mil espécies de árvores e arbustos. Não existe nenhum outro país que tanta variedade de orquídeas e palmeiras conhecidas, por exemplo.

Além de todas essas variedades que citamos, podemos também encontrar espécies brasileiras de lugares específicos e muitas espécies de plantas com grande importância para a economia mundial, como por exemplo, o abacaxi, o amendoim, a castanha do Brasil (ou do Pará), a mandioca, o caju e a carnaúba – Produtos com origens no Brasil.

Com todas estas vantagens da natureza, a biodiversidade é muito importante para a economia do Brasil. Só para você ter uma ideia, só o setor de agroindústria é responsável por cerca de 40% do PIB brasileiro. 4% ficam por conta do setor florestal e o setor pesqueiro é responsável por 1%.

Quando estamos falando da agricultura no Brasil, podemos listar exemplos de repercussões internacional que exaltam o desenvolvimento de biotecnologias do país, gerando riquezas por meio da forma certa de utilização de componentes da biodiversidade. Com isso, os produtos da biodiversidade, nos dias de hoje, correspondem a 31% das exportações no Brasil. O café, a soja e a laranja são os produtos que merecem destaque.

“O Brasil é o país tropical que mais pesquisa no mundo e conta com reconhecimento internacional, além de ter liderança positiva nas áreas de biodiversidade e mudança do clima”, comentou o Bráulio Dias, secretário-executivo da Convenção sobre Diversidade Biológica (CBD) da Organização das Nações Unidas (ONU), que aconteceu na Fiesp, em São Paulo.

Você sabe o que é a Biodiversidade?

A exuberância da vida na Terra que tem um ciclo que parece não terminar de vida, morte e transformação é o que podemos chamar de biodiversidade.

De acordo com pesquisas, existem até 100 milhões de espécies diferentes vivas que dividem este mundo com você. Dois milhões delas já são bem conhecidas.

Quando falamos em biodiversidade, estamos incluindo uma grande variedade de flora, fauna e micro-organismos.

É legal sabermos que a biodiversidade nunca está parada! Pois ela é um sistema que está sempre evoluindo tanto no quesito das espécies como também do fato de um único organismo. Mas o número de espécies que já viveram no Brasil e hoje estão extintas é muito grande: equivale a 99%.

A destruição da biodiversidade na Terra não é igual já que ela depende muito do clima, não é mesmo? Por isso locais que com maior latitude, menos tipos de espécies serão encontradas.

Biodiversidade ameaçada!

É importante pontuarmos que a enorme variedade biológica não só pelo Brasil, mas pelo mundo. Infelizmente, está sendo cada vez mais afetada por causa das atividades humanas ao longo do tempo com as destruições dos habitats de plantas e animais. Atualmente, a diminuição da biodiversidade vem sendo um dos maiores problemas na Terra.

Alguns estudos já divulgados dizem que, aproximadamente, 12,5% das espécies de plantas conhecidas estão na lista de serem extintas. Outros garantem que 20% de todas as espécies vivas podem não existir mais em 30 anos.

Comments are closed.

Post Navigation